terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Bolos de Natal Temáticos

Enfeite a sua mesa, nossos bolos especiais dão o tom que a sua festa merece!

Cada bolo de 2,5kg custa R$ 190,00.

Encomende o seu!






quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Muffins de Natal Especiais, Presenteie de Forma Inovadora!

Muffins são minibolos recheados deliciosos!

Os que eu preparo aqui no La Benedicta são especiais, feitos com baunilha ou chocolate ficam perfeitos com as decorações de natal e ótimos para presentear de forma inovadora!
Os kits com trio de muffins natalinos custam em média R$ 65,00 e podem ser pagos com cartão de crédito.
Encomende agora mesmo os seus e surpreenda! 61-3033-8500












sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Confraternize Conosco, Almoços e Jantares Especiais de Fim de Ano no Espaço do Bistrô

Almoço de Fim de Ano
R$ 49,00 por pessoa no La Benedicta Bistrô
Antipasti
Mousse de Salmão Defumado, Manteiga e Pães
Entrada
Cuscuz Especial de Camarão com Mini Salada
Pratos
Filet Mignon ao Molho Aveludado de frutas vermelhas com risotinho de Champagne e Castanhas
Ou
Peito de Peru ao Molho Fendi com Farofa de Ameixas, Damascos e Bacon
Sobremesa
Sorvete de Creme ao Molho de Frutas Cristalizadas com castanhas
Jantar de Fim de Ano
R$ 59,00 por pessoa no La Benedicta Bistrô
Antipasti
Mousse de Roquefort com Castanhas, Manteiga e Pães
Entrada
Salada de Macarrão ao Funghi com Lascas de Bacalhau e Folhas Nobres
Pratos
Picanha ao Porto com Risotinho de Parma e Parmesão
Ou
Tender ao Molho de Laranjas com Cuscus Marroquino de Legumes
Sobremesa
Semifredo de Nozes ao Molho de Frutas Cristalizadas

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Super Ceias à La Carte!


Sugestão de Coquetel de fim de ano
Frios
Salada caprese gourmet
(tomate-caqui maduro, mix de 3 queijos nobres, manjericão fresco, azeite de oliva, tomate seco, fios de pesto)
Salada tropical
(cubos de abacaxi cozido, chester defumado, uvas Itália, leite condensado, passas brancas, e creme de leite e iogurte natural)
Maçãs recheadas de creme de champagne e Camarão
Mini tacinha de risone com pout pourri de berinjelas carameladas e lascas de salmão
Espetos de Prosciutto, melão, pêra figo, caramelizados com limão siciliano
Mousse de gorgonzola com mel e favos de mel
Tartare de legumes abacate e camarões ao vapor de ervas
Quentes
Tomatinho grape recheado com suflê de queijos
Mil folhas de batata com laminas de Parma gratinada a la creme
Consomê de bacalhau cogumelos paris e nirá
Creme de haddock na casquinha de gergelim
Costeletas de porco em cinco especiarias
Cestine folhado de alcachofras com mascarpone
Finalização
Potinho de frutas flambadas com merengue gratinado ao coullis de laranja
Preços
Para todas as datas exceto virada de natal e ano novo:
R$ 97,90 por pessoa mínimo para grupos de 30 pessoas;
Para as viradas R$ 147,90 por pessoa


Produtos para Compor as Ceias
Beliscos Valor por 500g
Cereja frescas banhadas em chocolate meio amargo e branco belga
R$ 40,00
Cachos de uvas thompson e red globe glaçadas no açúcar de baunilha
R$ 25,00
Rabanada de panettone com calda de cereja
R$ 28,00
Biscoito de gengibre glaçados em formato de estrela
R$ 20,00
Frios Valor por 500g
Mousse de salmão defumado, com grissini de papoula
R$ 95,00
Terrine foie gras, com geléia artesanal de pimenta
R$ 395,00
Terrine campagne com aspic
R$ 155,00
Saladas Valor Por Kilo
Salada catalã
(lascas de bacalhau, cebola, pimentão três cores, tomate sem semente, azeitonas pretas, salsa, cebolinha, laminas de alho, ovos de codorna, feijão manteiga)
R$ 90,00
Salada King
(radcchio, endívias, abobrinha e cebola roxa a Juliene com nozes pecã , crountons laminas de lombo de porco agridoce)
R$ 50,00
Cucuz marroquino com frutas cristalizadas, alface romana e pernil de vitelo fricassé ao vinagrete de frutas vermelha
R$ 75,00

Massas Valor Por Kilo
Raviolonni recheado c/ damasco e creme cheese e nozes
R$ 120,00
Spaghetti negro com frutos do mar
R$ 140,00
Mezzaluna de figo seco
R$ 100,00
Opção de molho para massa Valor Por Kilo em Embalagem Descartável
Alfredo(rum, queijo e manteiga)
R$ 25,00
Mediterrâneo (base de tomate, ervas, azeitonas negras e cogumelos paris)
R$ 30,00
Molho Funghi
R$ 45,00
Quentes & Guarnições Encomendas a partir de 2kg, Valor por Kilo
Brandade de bacalhau ao creme de amêndoas
R$ 185,00
Camarão na moranga.
R$ 160,00
Lombo recheado assados e regados ao molho de jabuticaba
R$ 65,00
Costeletas de cordeiro ao molho de romã vinho branco e ervas frescas
R$ 195,00
Filé assado em crostas de azeitonas e pistache na cama de lentilhas tomate-cereja e molho reduzido de porto
R$ 95,00
Paella marinera
R$ 280,00
Arroz de champagne cítrico com amêndoa
R$ 50,00
Salteado de arroz selvagem e branco, lentilhas, com fios de poro crocante
R$ 75,00
Mousseline de baroa
R$ 35,00
Farofa de pão com frutas cristalizadas e banana da terra
R$ 20,00
Peças Inteiras De Pratos Prontos
Robalo assado, guarnecido de farofa de maracujá e leques de batata (entre 4Kg e 6Kg)
R$ 400,00
Peru recheado com frutas cristalizadas, mini cebolas e laranjinha kinkan acompanhado de molho lyonnais (mostarda dijon, mostarda holandesa mel e suco de laranja, suco de pêssego, vinho branco seco) (entre 5Kg e 7Kg)
R$ 350,00
Pernil com maçãs, Molho de tangerina, damasco e farofa de pão (manteiga, gengibre, alecrim fresco, vinho branco seco, suco de tangerina, laminas da casca damasco e mel)- (entre 6Kg e 8Kg)
R$ 300,00
Tender aromatizado, com geléia de gengibre (entre 2Kg e 4Kg)
R$ 190,00
Sobremesas Valor Por Kilo em Embalagem Descartável
Cheese cake de laranja ao marrasquino
R$ 69,00
Bolo supremo de chocolate meio amargo com recheio de avelã
R$ 80,00
Strudel de maça verde, ao licor de champagne
R$ 55,00
Charlote de creme com frutas
R$ 65,00
Merengue com frutas vermelhas
R$ 45,00
Panettone Mousse
R$ 40,00

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

04 Opções de Ceia Delivery Pra Você Compor como Mais Gosta e Curtir seu Natal e Reveillon Fora da Cozinha!

Reunir a família e amigos em volta de uma bela mesa de Natal, sem se preocupar com o que servir e nem perder o dia todo na cozinha parece ser um sonho distante. Mas, nos dias de hoje, isso já faz parte da realidade de muitos brasileiros e a chef Ana Stellato aposta nesta excelente solução: o serviço de Ceia Delivery, que disponibiliza um cardápio contemporâneo que agrada aos mais variados e exigentes paladares. O cliente recebe tudo pronto, em casa, com instruções para aquecer e montar os pratos.
Você é livre para mesclar minhas 4 sugestões abaixo e compor a sua ceia com tudo o que mais gosta.Vale escolher apenas um item, ou todos!
Ceia Nº 01
Legenda dos preços: quant. kg - valor p/ kg -v.total
Entrada:
Alcachofra a La Creme Benedicta Gratin
1,5 kg
R$ 51,00
R$ 76,50
Pudim de Bacalhau com Pesto de Pimentões Vermelhos Assados
1 Kg
R$ 98,00
1º Prato:
Filet Mignhon ao Molho Aveludado de Funghis
2 Kg
R$ 79,60
R$ 159,20
Peito de Peru c/ Molho Fendi
2 Kg
R$ 70,00
R$ 140,00
2º Prato:
Lazanha de Bacalhau ao Creme Branco com Azeitonas Negras e Ervas
2 kg
R$ 85,50
R$ 171,00
Acompanhamentos:
Risoto Milânes
2 pc
R$ 35,90
R$ 71,80
Farofa Natalina com Frutas Secas
1 kg
R$ 45,00
Sobremesa:
Mousse de Côco com Baba de Moça
1 und.
R$ 65,50
Torta de Gianduia
1 und.
R$ 72,50
CEIA No 01 PARA ATÉ 8 PESSOAS
valor total: R$ 899,50
_________________________________________________
Ceia Nº 02
quant. kg - valor p/ kg -v.total
Entrada:
Salada Italiana de Bacalhau
1 kg
R$ 95,00
Pudim de Gorgonzola e Pesto de Manjericão
1 und.
R$ 55,00
1º Prato:
Massa Penne Colorida com Lasquinhas de Búfala com Manjericão
2 pc
R$ 37,40
R$ 74,80
Molho com Ragú de Tomates Frescos
2 vd
R$ 20,90
R$ 41,80
2º Prato:
Filet Mingnon ao Molho Aveludado de Funghis
2 kg
R$ 79,60
R$ 159,20
Pernil com Molho Fendi
2 kg
R$ 109,00
R$ 218,00
Acompanhamentos:
Risoto Milanês
2 pc
R$ 35,90
R$ 71,80
Farofa Natalina de ameixas, damascos e bacon
1 kg
R$ 48,00
Sobremesas:
Torta Mousse de Framboesa com Chocolate
1 und.
R$ 69,50
Torta Mousse com Damasco ao licor
1 und.
R$ 79,50
CEIA No 02 PARA ATÉ 8 PESSOAS
valor total: R$ 852,60
______________________________________________________
Ceia Nº 03
quant. kg - valor p/ kg - v.total
Entrada:
Cucuz Especial de Camarão
1,0 kg
R$ 79,00
Mousse de Gorgonzola e Sementes de Papoula
1 und.
R$ 59,00
1º Prato:
Massa Recheada de Figo Seco e Creme de Parma
2 pc
R$ 53,90
R$ 107,80
Molho de Prosseco
2 vd
R$ 29,20
R$ 58,40
2º Prato:
Filé mignon aos 3 Cogumelos shitake, shimeji e paris
2 kg
R$ 79,60
R$ 159,20
Tender com Laranjinhas
2 kg
R$ 98,50
R$ 197,00
Acompanhamentos:
Risoto Champagne e Shimeji
2 pc
R$ 44,40
R$ 88,80
Farofa Natalina alho poro, ovos, bacon e cebolinhas
1 kg
R$ 45,00
Sobremesas:
Bolo de Nozes c/ Baba de Moça e Marshmalow
1 und.
R$ 105,00
CEIA No 03 PARA ATÉ 8 PESSOAS
valor total: R$ 899,20
_____________________________________________________
Ceia Nº 04
quant. kg -valor p/ kg -v.total
Entrada:
Alcachofra a La Creme Benedicta
1,5 kg
R$ 51,00
R$ 76,50
Cuscuz Especial de Camarão
1 und.
R$ 79,00
1º Prato:
Massa Recheada de Brie, Tomate Secos e Pinoli
2 pc
R$ 57,00
R$ 114,00
Molho Aveludado de Pêra
2 vd
R$ 27,50
R$ 55,00
2º Prato:
Filet Mingnon ao Vinho Porto
2 kg
R$ 81,90
R$ 163,80
Paleta de Cordeiro ao rôti, vinho branco e ervas frescas
2 und.
R$ 165,00
R$ 330,00
Acompanhamentos:
Risoto de Champagne e Shimeji
2 Kg
R$ 44,40
R$ 88,80
Farofa Natalina de Castanhas Portuguesas e Ameixa
1 kg
R$ 50,00
Sobremesas:
Torta Mousse Framboesa Com Chocolate
1 und.
R$ 69,50
Sobremesa:
Torta Mousse Benedicta
1 und.
R$ 62,50
CEIA No 04 PARA ATÉ 8 PESSOAS
valor total: R$ 1.085,10

ESTAS SÃO ALGUMAS SUGESTÕES, PORÉM VOCÊ PODE ACRESCENTAR OU SUBSTITUIR ITENS OU MONTAR A SUA CEIA PERSONALIZADA UTILIZANDO QUALQUER UM DOS NOSSOS PRODUTOS



Receita de Tender de Natal


Tempo de preparo: 12 horas
Nível de Dificuldade: Médio


Ingredientes:
- 01 tender de aproximadamente 1kg;
- 01 xícara de chá de suco de laranja;
- 01 xícara de chá de vinho branco seco;
- 03 colheres de sopa de mel;
- 01 abacaxi pequeno fatiado e cozido em açúcar ou 01 lata de abacaxi em calda;
- 06 colheres de sopa de calda de abacaxi;
- Cravos da índia para decor
ar.
Preparo
Em um recipiente, agregue o suco de laranja, o vinho branco e a calda de abacaxi e coloque o tender para marinar por 12 horas, coberto por filme plástico na geladeira.
Em seguida, coloque o tender em uma assadeira com o líquido da marinada e o cubra com papel alumínio. Leve ao forno pré-aquecido por 20 minutos.
Remova o papel alumínio e pincele toda a sua superfície do tender com uma camada generosa de mel. Volte a colocar o tender no forno e por mais 20 minutos ou até que doure, regando a cada 3 minutos com o líquido da marinada para que a carne se mantenha suculenta.
Retire o tender do forno e faça alguns cortes na sua superfície formando um xadrez e decore com um cravo em cada cruzamento dos riscos.
Dicas e Montagem dos Pratos:
Decore o prato com rodelas de abacaxi e sirva.

Você pode preparar esta receita ou encomendar toda sua ceia e assados conosco,
aqui no La Benedicta Bistrô
(61) 3033-8500

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Jantando com Bibi Ferreira no La Benedicta


Dentre tantos artistas já servidos por mim, Bibi Ferreira foi marcante!
Na Noite de ontem pude ofertar à Bibi e seu elenco um jantar em meu restaurante.
Ainda há tempo para quem não viu Bibi!

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

O Menu Executivo do La Benedicta Bistrô



O La Benedicta Bistrô, reconhecido pelos saborosos pratos da alta gastronomia italianos, traz uma novidade no cardápio:
Menu Executivo elaborado pela chef Ana Stellato, com variações de pratos sofisticados servido de terça à sábado.
Pelo valor de R$ 41,00 por pessoa, o menu oferece aos clientes uma saborozíssima variedade; confira o cardápio

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Lançamento da Confraria Benedicta Gourmet


O La Benedicta Bistrô lançará a mais uma ótima novidade gastronômica, a Confraria Gourmet. Um clube exclusivo dedicado à degustação da finíssima culinária contemporânea e harmonizada com vinhos finos.
A Confraria Gourmet possuirá um fantástico calendário de eventos incluindo degustação de vinhos e destilados, seminários gastronômicos, Jantares (Winemakers Dinner), exibições de arte, lançamento de livros e muito mais.

Benefícios dos Associados
Confrade Gourmet
Incluídos no Pacote (não cumulativos)

Degustação Mensal de Vinhos
Degustação Mensal de pratos contemporâneos em sistema rotativo dos confrades e, harmonizados com vinhos nobres.
Isenção de taxa de rolha no restaurante
Newsletter mensal
Desconto de 20% no seminário anual de vinhos
Desconto de 20% no curso básico de Curso de Culinária contemporânea (março à junho 2009)
Desconto de 20% no Kit gourmet*

Membership Simples - $80 Mensal**
Membership Casal - $150 Mensal **
*Kit composto de facas, base decorativa, termômetro, avental, chapéu, livro culinária Larousse R$400.
**valores sofrerão reajustes semestrais conforme variação dos preços dos produtos e, em comum acordo com os queridos confrades

terça-feira, 3 de novembro de 2009

O Prazer dos Almoços aos Domingos com Amigos


Almoçar aos domingos com amigos é sempre um prazer, a grande amiga, Bernadete Alves e os amigos Carlinhos Beauty e Guilherme Di Angellis aqui no La Benedicta Bistrô, compartilharam comigo e com o Wagner Divério momentos de prazer gastronômico e descontração!


Faça parte você também do meu círculo de relacionamento!

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Jantar com Olivier Anquier e o Presidente da SLC


A noite de ontem foi um presente,ouvir bem de pertinho as percepções tanto do Olivier quanto do Sr. Fernando Presidente da SLC quanto aos produtos atelier namorado que já venho aplicando há um trimestre em minhas elaborações aqui no meu Bistrô o La Benedicta complementaram minha visão de excelência do produto assim como aumentaram ainda mais minha vontade de aplicar o produto de várias outras maneiras gourmets.
Não deixe de vir provar minhas preparações com arrozes especiais.
La Benedicta Bistrô, (61)3033-8500 - 413 Norte, Lojas 21/41, Brasília, Asa Norte

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Para o Halloween, Torta de Zumbi, isso mesmo, ZUMBI, dedos de marzipã e recheio de trufa Benedicta, Não deixe de encomendar a sua!


Introdução
O Halloween é uma festa comemorativa celebrada todo ano no dia 31 de outubro, véspera do dia de Todos os Santos. Ela é realizada em grande parte dos países ocidentais, porém é mais representativa nos Estados Unidos. Neste país, levada pelos imigrantes irlandeses, ela chegou em meados do século XIX.
História do Dia das Bruxas
A história desta data comemorativa tem mais de 2500 anos. Surgiu entre o povo celta, que acreditavam que no último dia do verão (31 de outubro), os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para assustar estes fantasmas, os celtas colocavam, nas casas, objetos assustadores como, por exemplo, caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas entre outros.
Por ser uma festa pagã foi condenada na Europa durante a Idade Média, quando passou a ser chamada de Dia das Bruxas. Aqueles que comemoravam esta data eram perseguidos e condenados à fogueira pela Inquisição.
Com o objetivo de diminuir as influências pagãs na Europa Medieval, a Igreja cristianizou a festa, criando o Dia de Finados (2 de novembro).
Símbolos e Tradições
Esta festa, por estar relacionada em sua origem à morte, resgata elementos e figuras assustadoras. São símbolos comuns desta festa: fantasmas, bruxas, zumbis, caveiras, monstros, gatos negros e até personagens como Drácula e Frankestein.
As crianças também participam desta festa. Com a ajuda dos pais, usam fantasias assustadoras e partem de porta em porta na vizinhança, onde soltam a frase “doçura ou travessura”. Felizes, terminam a noite do 31 de outubro, com sacos cheios de guloseimas, balas, chocolates e doces.
Halloween no Brasil
No Brasil a comemoração desta data é recente. Chegou ao nosso país através da grande influência da cultura americana, principalmente vinda pela televisão. Os cursos de língua inglesa também colaboram para a propagação da festa em território nacional, pois valorização e comemoram esta data com seus alunos: uma forma de vivenciar com os estudantes a cultura norte-americana.
Muitos brasileiros defendem que a data nada tem a ver com nossa cultura e, portanto, deveria ser deixada de lado. Argumentam que o Brasil tem um rico folclore que deveria ser mais valorizado.
Para tanto, foi criado pelo governo, em 2005, o Dia do Saci (comemorado também em 31 de outubro).

sábado, 17 de outubro de 2009

Um Pouco de História

Deliciar-se com a estação das flores é.....

A palavra primavera vem do latim e
significa primeira verdade: Prima Vera.
Diz a lenda que quando foi dita a primeira verdade na Terra, os deuses, para marcar a data,premiaram os homens com o nascimento das flores que antes não existiam.


A primavera chegou e com ela o frescor, o multicolorido e todo o bem estar e graciosidade que fazem desta a estação mais comentada do ano.
E no tocante à gastronomia não poderia ser diferente. Muitos são os pratos que levam primavera no nome e estes são conhecidos não só por sua "gostosura" mas também, como acontece com a primavera, por sua beleza e multicolorido.
Quando salgados reúnem uma grande variedade de verduras e legumes como por exemplo a Salada Primavera que encanta por sua beleza e miscelânea de sabores.

Quando doces reúnem uma grande variedade de frutas que conferem um ar tropical e refrescante aos pratos. Quer um exemplo? Que tal a receita de Taça Alegre de Primavera? É garantia de colorido e sucesso na sua cozinha.

Ingredientes:- 1 pote de sorvete salada de frutas - geléia de pessego - chantibom - biscoitinhos para enfeitar sorvetes cobertura de caramelo
Modo de preparo:
Montagem: em taças individuais, coloque 2 bolas de sorvete, a geléia, o chantibom,, mais uma bola de sorvete, terminando com a cobertura de caramelo.

Ingredientes:
- 1 pote de sorvete salada de frutas - geléia de pessego - chantibom - biscoitinhos para enfeitar sorvetes cobertura de caramelo
Modo de preparo:
Montagem: em taças individuais, coloque 2 bolas de sorvete, a geléia, o chantibom,, mais uma bola de sorvete, terminando com a cobertura de caramelo.

Sucesso em qualquer hemisfério
Não é só do "lado de baixo do equador" que pratos que levam o nome Primavera fazem sucesso. Os orientais são famosos por sua delicada culinária e não perderam tempo em batizar um dos pratos mais famosos de sua culinária com nome da mais romântica das quatro estações.


Para quem ainda não se lembrou estamos falando dos famosos Rolinhos Primavera. Para quem anda de dieta ainda há a opção dos Rolinhos Primavera Light

Ingredientes:
- 1 repolho médio - 1 cebola média cortada em tiras finas - 1 xícara de camarões pequenos cozidos - 1 xícara de peito de frango cozido e desfiado bem fino - 2 colheres de sopa de cebolinha verde picada - 2 colheres de chá de shoyu - 1 colher de sopa de saquê - 2 colheres de sopa de água - 1 colher de chá de amido de milho - 1 colher de chá de adoçante de forno e fogão - 1 pitada de glutamato monossódico - sal a gosto
Modo de preparo:
Reserve 10 folhas externas do repolho e elimine as nervuras centrais. Coloque as folhas numa panela com um pouco de água e sal e cozinhe até amolecerem. Reserve. Corte um pedaço de repolho, o suficiente para 2 xícaras de repolho picado e guarde o restante do repolho para outra ocasião. Misture o repolho picado à cebolinha a cebola, o shoyu, o saquê e o adoçante e leve ao fogo baixo. Junte a água aos poucos, pois não pode ficar com líquido. Quando estiver macio, mas crocante, acrescente o camarão e o frango. Junte o amido de milho dissolvido na água e mexa bem para engrossar. Tempere com glutamato monossódico e salgue a gosto. Coloque a mistura dentro das folhas, enrolando como se fosse um rolinho ou um charutinho. Arranje-os numa travessa e sirva com molho agridoce


Quem já está salivando só de pensar nestes pratos deliciosos saiba que ainda há muito mais delícias que trazem a primavera no nome. Alguns exemplos são a requintada Alcachofra Primavera e o já tradicional Arroz Primavera.

Há ainda a opção para os apressadinhos de plantão do delicioso Cheese Primavera ou do refrescante Coquetel Primavera.
Para deixar a família e os amigos ainda mais impressionados você ainda pode optar pelo Mero Primavera ou pela Truta Primavera que é garantia de elogios para aquele romântico jantar à dois, ou a refrescante Salada de Macarrão Primavera. E para terminar a refeição a pedida é a Taça Alegre de Primavera. Receitas deliciosas que são sucesso garantido em qualquer estação.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Harmonização de Cervejas e Queijos



As cervejas especiais estão entre as melhores combinações possíveis com queijos. Assim como vem acontecendo uma revolução no mundo das cervejas, com o renascimento de cervejas artesanais, o mesmo vem ocorrendo com os queijos. Começam a aparecer os pequenos produtores que fabricam queijos com personalidade. Estes são os que combinam com as cervejas especiais.

Veja por que as cervejas e os queijos combinam tão bem:

SABORES SEMELHANTES

Nas cervejas encontramos diversos aromas e sabores semelhantes aos dos queijos, como os aromas de nozes, castanhas, amêndoas e caramelo, geralmente presentes nos queijos mais curados.

CARBONATAÇÃO


A carbonatação desperta e estimula as papilas gustativas, acentuando os complexos sabores presentes nos queijos. Além disso, os queijos são gordurosos e cremosos, geralmente cobrindo nossa boca como se fossem uma espécie de cera. A carbonatação tem o poder de “lavar” esta gordura da boca, abrindo caminho para que nossas papilas gustativas estejam descobertas e percebam exatamente o sabor da cerveja e do queijo. Ela deixa sua boca pronta para um novo sabor, como se cada mordida ou cada gole fossem sempre os primeiros.

AMARGOR


Junto com a doçura, é responsável pelo equilíbrio da cerveja. Também torna a cerveja refrescante e estimula o apetite. Na combinação com comida, confere certa refrescância e, assim como a carbonatação, corta a gordura que cobre nossas papilas gustativas.

DOÇURA E SABOR DE PÃO


Os pães, assim como as cervejas, são feitos a partir de cereais. Daí tamanha semelhança de sabores, a ponto de chamarmos a cerveja de “pão líquido”. Assim como os queijos combinam bem com pães, facilmente harmonizam com os sabores de malte de cevada e trigo utilizados nas cervejas.

A doçura presente nas cervejas também tem origem no malte de cevada. O açúcar residual, não fermentado, acaba contribuindo para um equilíbrio entre o doce e o amargo. Essa doçura permite uma harmonização com queijos mais adocicados ou com queijos salgados, em uma harmonização por contraste.

http://www.eisenbahn.com.br/estacao/queijos_familias.php
http://www.eisenbahn.com.br/estacao/queijos_cervejas.php

sábado, 3 de outubro de 2009

Evolução da Confeitaria, Encomende seu Bolo Personalizado


A confeitaria chegou ao Brasil entre os anos 50 e 60 (após a segunda Guerra Mundial), vinda da Europa, principalmente França, Itália e Alemanha, trazendo novas técnicas e manuseios. Alguns mestres confeiteiros que chegaram ao Brasil traziam a técnica do manuseio do chantilly, do Creme Paris, da massa folhada, do Fondant e foram obrigados a trabalhar nas padarias, pois eram raras as confeitarias exclusivamente doceiras. Com o passar do tempo, as padarias começaram a ser consideradas “padarias e confeitarias”. E, assim, foram nascendo os doces!
Naquela época o trabalho feminino era muito pouco utilizado. A partir dos anos 80, a confeitaria passou por tendências mais suaves e elaboradas, mostrando a preocupação com a qualidade na confecção dos produtos. Atualmente, surgem novidades a cada dia, tanto nos sabores quanto nas técnicas, qualidade e decorações.
Bolos
Como surgiu o bolo? Sabe-se que, em Nápoles, na Itália, no ano de 1478, um bolo foi servido em um banquete. Então, os bolos passaram a ser a atração em festas, eventos e celebrações principalmente no quesito decoração.
Apesar de informações contrárias, acredita-se que o primeiro bolo de andares tenha sido o da italiana Catherine De Medici quando se casou com Herique II, Rei da França, no século XVI. A partir dai os bolos eram cada vez mais glamurosos, porém, com sabor rústico e pouca qualidade.
Na Inglaterra, durante o reinado da Rainha Victória, os bolos chegavam a pesar 100 quilos com altura acima de dois metros. Na verdade, em todos os momentos da história, o bolo era considerado como uma demonstração de prosperidade e riqueza. Por isso eram tão altos!
O primeiro bolo de farinha a se adaptar no Brasil foi o pão-de-ló, de origem portuguesa. Rapidamente, tornou-se bastante popular, e até hoje, é um dos preferidos para bolos recheados. Antigamente, e sobretudo em Portugal, era hábito consumir o pão-de-ló em fatias, torradas, acompanhando o chá, café ou vinho do Porto.
Nos dias de hoje temos qualidade, sabor e beleza na confecção dos bolos.
Ou melhor, glamour! Principalmente nas preparações da Chef Ana Stellato, o quilo de nossos bolo está em R$ 150,00!
Sugarcraft
É uma arte da confeitaria que nasceu na Inglaterra.
É a técnica em açúcar onde o açúcar se transforma em massa, massa que se transforma em verdadeiras obras de arte.
Mas é preciso muita dedicação e muito amor para executar esse tipo de trabalho.

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Ahhh, que delícia a Emília Romagna, Venha Degustar!


de 01 A 04 e de 08 A 11/10
A região hospeda uma das terras mais férteis da Itália, rica em hortas e pastos. Bolonha, a capital, não é o berço apenas do macarrão à bolonhesa, mas de algumas das massas caseiras mais gostosas do mundo: tagliatelle, tagliolini, cappelleti, tortellini, tortelli, tortelloni, parpadelle e lasanhas. Na província são produzidas excelentes mortadelas. O melhor queijo italiano, o parmigiano-reggiano, ou parmesão, que leva tanto o nome de Parma como de Reggio, é também dessa região. Parma ainda presenteia o mundo com um dos mais finos produtos suínos do mundo o prosciutto di Parma. E Modena tem excelentes pratos à base de costela de porco e com o vinagre balsâmico.

Entradas
Parmigiano ao mel
(pedrinhas de parmesão com mel e flores)
Bruschettas Romagnas
(tartar de mortadela ao pesto de tomates secos e pistaches)
Pratos
1º Prato
Parpadelle ao ragú bolognese
2º Prato
Risotto de parmesão e presunto parma
Sobremesa
Meringato alle Fragole - (Merengue de morango)
Espécie de um suspiro, esta sobremesa se origina da província de Baixa Padana, região que abrange a Lombardia e Emilia Romagna, onde há grandes plantações de morango

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Deguste o Cardápio do Happy Hour + Desejado de Brasília



Venha nos visitar e descobrir delícias gourmet com cervejas e vinhos jamais imaginados!
Reservas: 61-30338500

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

O Festival Italiano Continua e Está Cada Vez Mais Imperdível


Festival de Primavera com Pratos Italianos
De Setembro a Novembro de quinta a domingo
Menu Degustação - 02 Entradas + 02 Pratos + 01 Sobremesa
R$ 59,00 - Faça sua reserva através do fone (61) 3033-8500 das 09h00 às 00h00 diariamente.

ESPECIAL DAL CHEF STELLATO
De 24 a 27/09
A charmosa Chef Ana Stellato apresenta neste circuito aquelas receitas que satisfazem o apetite e reconfortam a alma, aplicando seus temperos e criatividade ímpares.
Entradas
Saladinha Italiana
(lascas de pão de grãos na manteiga de ervas, lâminas de cebola roxa no vinho branco, tomatinhos vulcânicos, folhas verdes mistas ao pesto de alho assado)
Búfala del Mare
(mozzarella di búfala derretendo com camarão aos tomates com redução de mel e balsâmico)
Pratos
1º Prato
Nhoque ao pesto
(massa fresca com molho pesto de manjericão e castanhas)
2º Prato
Risoto de parmesão com tiras de filé ao vinho tinto
Sobremesa
Pesche alle Mandorle
(Pêssego com amêndoas)
Recheada de biscoito ao amaretto esta sobremesa vai ao forno aromatizada de amêndoas. Originária da região de Piemonte, serve-se individualmente e fria. O pêssego é uma das frutas mais apreciadas na Itália, acompanha creme de nata artesanal.

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

O Vinho Ideal e as Harmonizações Atuais


Todo vinho, por mais delicioso que seja quando degustado solo , está em busca de seu parceiro: o prato ideal. Ou seria ao contrário? Mas como saber se um não vai brigar com o outro? Não há respostas ou regras definitivas , mas há umas poucas indicações que, se seguidas , podem diminuir as chances de erro. O vinho certo deve realçar o sabor da comida e a comida pode trazer a tona características únicas de um vinho. Mas harmonizar de verdade pode ser muito simples ou extremamente complexo. Antes dos ventos da globalização, e com eles a fusion cuisine, baterem nas nossas mesas e criarem uma deliciosa confusão nas nossas escolhas podia-se usar grosseiramente as três surradas mas úteis regrinhas: carne vermelha com vinho tinto; peixe e carne branca com vinho branco; pratos típicos regionais com os respectivos vinhos locais.
Mas hoje tudo ficou mais complicado. Eu amo brincar com os limites ao misturar peixe cru com maionese ou abacate com carpaccio. Temperos orientais se encontram com a culinária mediterranica. Ao aplicar minhas técnicas quase sempre francesas, eu me aproprio das delicias das cozinhas mexicana, indiana, arabe, alemã, espanhola, chinesa, thai , japonesa, todas pertinentes à culinária italiana. O que me leva a avaliar que muitas vezes a combinação de ingredientes,molhos que acompanham e ou método de preparo podem ser muito mais importantes do que o ingrediente principal na determinaçnao do vinho ideal. Por sorte certas características da comida reagem com previsibilidade diante de elementos presentes no vinho. Os principais componentes do vinho (álcool, açúcar,ácido e tanino ) relacionam- se com os sabores básicos da comida (doce, azedo, salgado, amargo ) . A combinação perfeita vem a ser uma experiência gustativa mais sublime do que a comida ou o vinho sozinhos. Para harmoniozar vinho e comida podemos seguir dois caminhos distintos e opostos: o caminho do contraste e o caminho semelhança.no caminho do contraste procuramos no vinho os sabores e texturas que não estão no prato. Um prato com sabor terroso (trufas, cogumelos) contrasta bem com um vinho frutado. Há por exemplo o classico encontro salgado/doce .ex. roquefort com porto, fois gras com sauternes. gewustraminer bem frutado com salmão defumado.
Já o caminho da semelhança , o mais natural, intuitivo, envolve a escolha de vinho de algum modo semelhante ao prato. Um vinho herbáceo acompanha bem um peixe com ervas. Só um vinho encorpado para resistir a uma carne com molho mais pesado. Equilibrar o peso do prato com o do vinho. Normalmente a gradação alcoolica pode ser indicativa. quanto maior mais encorpado é o vinho. Ex. Um peito de frango no vapor é mais leve do que um coq au vin. É importante distinguir intensidade de peso tanto no vinho qto na comida. Ex. Um prato leve, frango ou peixe no vapor, mas muito condimentado. Outro ponto a se ficar atento com as semelhanças. Alimentos como nozes, por exemplo, que são tânicas, servidas com um vinho tinto muito tânico , tornarão o vinho tão adstringente que ficará quase intragável. O mesmo acontecerá com espinafre, aspargos, alcachofra.
Mas para escolhermos qual caminho tomar precisamos conhecer um pouco os elementos a serem avaliados tanto na comida quanto no vinho.

Acidez
Acidez de um prato ( vinagre, limão, mostarda, etc) deve ser igualada pela acidez do vinho. De outro modo o vinho parece insípido. Como regra os vinhos brancos são mais ácidos que os tintos. Vinhos jovens são mais acidos que os envelhecidos (e vinhos envelhecidos em carvalho são menos ácidos ainda). O vinho ácido parece menos ácido com alimento salgado ou ao contrario com os ligeiramente doces. Usando o caminho do contraste , vinhos ácidos contrabalanceiam excesso de gordura de um prato.
Sal.
O sal realça os sabores da comida. E é por isso que gostamos tanto dele. Do mesmo modo ele realçará o amargor dos taninos de um vinho. Tanino é a substancia que deixa nossa lingua seca, amarga, travada. Ele vem das cascas, sementes,hastes da uva e em menor medida dos toneis de carvalho. Comida salgada pede vinho frutado e pouco tânico, se for tinto. Aperitivos muito salgados, como azeitonas, pedem champanhe, outros espumanrtes secos xerez fino ou manzanila que trazem frescor ao paladar.
Doce
Mesma regra da acidez. O vinho deve ser ao menos tão doce quanto o alimento para não parecer insipido. Lembrete: se um tinto seco não vai bem com alimentos doces fiquemos atentos as muitas combinações de vinho doce que vão bem com alimento salgado.
Taninos.
Os taninos diminuem a percepção da doçura na comida e são mascarados/suavizados por pratos com proteina e gordura (bife/queijos). parecem mais adstringentes com comida condimentada e/ou muito salgada

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Hummmm, Tortas! Aprenda a receita de uma das minhas preferidas...a Sacher......


Ingredientes e Preparo:
150 gramas de manteiga --
165 gramas de açúcar;
185 gramas de chocolate meio amargo derretido;
150 gramas de farinha de trigo (a massa não leva fermento);
6 gemas;
8 claras;
Gotas de baunilha;
Geléia de damasco passada pela peneira.
Para o glacê:
160 gramas de chocolate meio amargo, partido em pequenos pedaços --
160 gramas de açúcar;
1/2 xícara (chá) de água mais 2 colheres (sopa) de água.
Preparo geral:
1.Numa tigela, bata a manteiga com a metade do açúcar.
2.Acrescente aí o chocolate derretido com a baunilha. Junte as gemas, uma a uma, batendo bem após cada adição.
3.Bata as claras em neve com o restante do açúcar até ficar em ponto de suspiro.
4.Adicione imediatamente a farinha de trigo e misture cuidadosamente.
5.Acrescente as gemas com a manteiga e misture bem.
6.Espalhe a massa numa fôrma redonda untada.
7.Leve ao forno em temperatura moderada (180º graus) e asse até que, ao enfiar um palito no centro e ele saia seco.
8.Após assar, retire do forno e corte ao meio, recheie com geléia de damasco e passe uma camada fina também na superfície da torta.
9.Faça e cubra a torta com o seguinte glacê:
1.Numa panela coloque o chocolate, o açúcar e a água.
2.Leve ao fogo mexendo sempre até ferver.
3.Pare de mexer e marque quatro minutos.
4.Retire do fogo e mexa com colher de pau até o glacê começar a engrossar.
10.Espalhe este glacê rapidamente sobre a torta.

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Delicie-se com as Novas Etapas do Festival Italiano.......

Durante a quinta, sexta, sábado e domingo passados, mais de 300 pessoas conheceram as delícias da culinária italiana regional da região Norte, se você ficou de fora, neste proxímo final de semana poderá provar o menu da região norte que estará em cartaz pela última semana. Aproveite para fazer sua reserva após apreciar o cardápio abaixo:

Nosso atendimento para reservas é das 08h30 às 00h00 de segunda à sábado.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Agora Você Pode Ter um Happy Hour com Estilo


A partir de amanhã, 15/09, o La Benidicta Bistrô, abrirá tão esperado ESPAÇO VILLA BENEDICTA, onde o prazer e a convivialidade são uma verdadeira arte de viver. Na área externa do Bistrô Lounge formar-se-a um local de convivio para curtir o melhor do happy hour das 18h00 às 20h00 de terça à sexta, que aliou e proporcionará aos nossos clientes a tradição da grande cozinha gourmet italiana relida pelas mãos da Chef Ana Stellato com as últimas tendências de cervejas internacionais acompanhadas pratinhos gourmet imperdíveis.Leia sobre as harmonizações que a Chef apresenta abaixo e venha curtir com gente!

Princípio geral, as combinações entre pratos e cervejas devem sempre
ser servidas das mais delicadas às mais robustas
.

Elas podem ocorrer por:

• semelhança − pratos e cervejas com elementos comuns de doçura, acidez, tostados, frutados, herbais, ou de cores, entre outros;
• contraste − pratos e cervejas com elementos contrastantes como, por exemplo, doçura e amargor, acidez e doçura, refrescância e picância, claro e escuro, leveza e robustez; e
• equilíbrio − pratos delicados com cervejas delicadas; pratos robustos
com cervejas robustas.

A cerveja é especialmente indicada para acompanhar molhos cremosos, chocolate, pratos com presença marcante de ovo ou vinagrete e pratos apimentados. Comidas cujo sabor permanece por muito tempo na boca requerem uma cerveja também marcante.

Frutas e doces não vão bem com as cervejas Pilsen, mas são bem acompanhados por Lambic e Gueuze. Sobremesas à base de chocolate e/ou café harmonizam-se perfeitamente com cervejas dos estilos Stout e suas variações e Porter e suas variações, pelo contraste doçura e amargor e, por semelhança, em notas tostadas que lembram chocolate e café.

A escolha da variação de estilo (por exemplo, Dry Stout, Imperial Stout, Oatmeal Stout) depende do grau de untuosidade que a sobremesa apresenta.

Cervejas dos estilos Imperial Stout, Robust Porter, Baltic Porter, Old Ale e Barleywine são clássicos exemplos de cervejas de finalização. O que torna esse tema mais interessante é ser dependente da experiência pessoal. O que é um casamento perfeito para alguns, pode
ser incompatível para outros; ou seja, o importante é experimentar e definir seus próprios pares.

Sendo a bebida da confraternização, a cerveja pode e deve ser usada para aproximar as pessoas e não para segregá-las. Em uma reunião de amigos não há regras nem dogmas a seguir para a harmonização com comidas; apenas sugestões:

Sopas – Uma sopa cremosa e rica é sempre bem acompanhada por uma Pilsener checa tipo Pilsner Urquell ou uma King Pilsner.
Cremes:
Pilsner da Bohemia
Minestrone:
Vienna Lager
Sopa de cebola:
Brown Ale/Scotch Ale
Creme de marisco:
Kolsch
Saladas – a salada for temperada com vinagre e azeite, talvez seja boa opção complementar a acidez com, por exemplo, uma Rodenbach Grand Cru.
Salada verde com molho:
Pilsner
Salada verde com azeite e vinagre:
Brown Ale/Flemish Sour Ale
Salada de frutas:
Fruit Beer/Weizen
Pratos vegetarianos
Falafel:
Altbier/ESB
Brócolis:
Pilsner alemã ou tcheca
Bruschetta:
Vienna
Quiche Lorraine sem fiambre:
Weizen/Witbier
Cogumelos salteados:
Brown Al
Aneis de cebola:
Vienna/Amber Ale
Aves
Frango assado:
Light Lager, Pilsner, European Amber Lager, Light Hybrid Beer, Porter, German Wheat & Rye Beer
Frango frito:
Light Lager, Pilsner, European Amber Lager, Light Hybrid Beer, Amber Hybrid Beer, English Pale Ale, American Ale
Pato:
Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout, Belgian & French Ale,
Belgian Strong Ale, Strong Ale
Codorna:
Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout, Belgian &
French Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Peru:
European Amber Lager, Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale,
Porter, Stout, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Faisão:
English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Chester: European Amber Lager, Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Linguiça de frango:
Light Lager, Pilsner, European Amber Lager, Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout
Carnes
Lombo de porco:
Light Lager, Pilsner, European Amber Lager, Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout
Lombo defumado:
European Amber Lager, Dark Lager, Bock, English Pale Ale, Scottish & Irish Ale, American Ale, English Brown Ale, Porter, Stout, German Wheat & Rye Beer, Smoke-Flavored & Wood-Aged Beer
Carneiro:
Scottish & Irish Ale, English Brown Ale, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale
Bife de carne bovina:
Dark Lager, Bock, English Brown Ale, Porter, Belgian Strong Ale
Rosbife:
Dark Lager, Bock, English Brown Ale, Porter, Belgian Strong Ale
Capivara:
Bock, Light Hybrid Beer, Amber Hybrid Beer, Scottish & Irish Ale, American Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Salsicha de porco:
European Amber Lager, Dark Lager, Bock, Light Hybrid Beer, Amber Hybrid Beer, German Wheat & Rye Beer
Linguiça de porco:
Bock, Light Hybrid Beer, Amber Hybrid Beer, German Wheat & Rye Beer, Strong Ale, Smoke-Flavored & Wood-Aged Beer
Chouriço:
Bock, Light Hybrid Beer, Amber Hybrid Beer, Strong (linguiça de sangue) Ale, Smoke-Flavored & Wood-Aged Beer
Peixes e frutos do mar
Bacalhau:
English Pale Ale, Scottish e Irish Ale, American Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Ostras:
Porter, Stout
Camarão frito:
Light Lager, Pilsner, English Pale Ale, American Ale, Indian Pale Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian & French Ale
Caranguejo:
Light Lager, Pilsner, English Pale Ale, American Ale, Indian Pale Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale
Caviar:
Porter, Stout, India Pale Ale, Belgian & French Ale, Sour Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Atum:
Dark Lager, English Pale Ale, American Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian Strong Ale
Salmão:
Bock, English Pale Ale, American Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Truta:
Pilsner, Dark Lager, Bock, India Pale Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Peixe frito:
Light Lager, Pilsner, European Amber Lager, Dark Lager, Light Hybrid Beer, India Pale Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Moqueca baiana:
Stout, India Pale Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Moqueca capixaba:
Stout, India Pale Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Lagosta:
Dark Lager, Bock, English Pale Ale, American Ale, Indian Pale Ale, German Wheat & Rye Beer, Belgian & French Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Lula:
Dark Lager, Bock, English Pale Ale, American Ale, Indian Pale Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale
Sardinha:
Dark Lager, Bock, English Pale Ale, American Ale, Indian Pale Ale, Belgian Strong Ale, Strong Ale, Smoke-Flavored & Wood-Aged Beer

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Festival de Primavera com Pratos Italianos



Começa hoje à noite!

02 Entradas + 02 Pratos + 01 Sobremesa R$ 59,00

Circuito Norte - Vêneto, Lombardia, Piemonte e Ligúria
De 10 a 13 e de 17 à 20/09
Vêneto é fascinante por suas estradas do vinho, Lombardia é a região leiteira da Itália, onde a manteiga está presente nos pratos. Os risotos e polentas são estupendos. O Piemonte abastece os mais luxuosos restaurantes do mundo com as trufas brancas e o queijo fontina. Na Ligúria, região costeira onde fica Gênova, o clima mais ameno e a brisa do Mediterrâneo propiciam o florescimento de ervas perfumadas, como o manjericão fresco, que, junto com outros ingredientes, gera um dos molhos mais populares do país: o pesto!

Entradas
Arancinis
(arbório de açafrão com recheio de carne e queijo e folhas verdes ao azeite de trufas brancas)
Bruschettas Caprese
(mozzarella di búfala, tomates secos e frescos e pesto de manjericão)
Pratos
1º Prato
Fettucini na manteiga de sálvia
2º Prato
Ossobuco ao vinho tinto na cama de polenta mole com funghi porccini
Sobre mesa
Pannacotta
Das regiões de Piemonte e Lombardia, a Panacota se traduz em um mousse de nata fresca servida com caramelo. Vale acentuar que trata-se de um doce clássico da cozinha italiana. Acompanha frutas da estação.


Circuito Nordeste - Emilia-Romagna
de 01 A 04 e de 08 A 11/10
A região hospeda uma das terras mais férteis da Itália, rica em hortas e pastos. Bolonha, a capital, não é o berço apenas do macarrão à bolonhesa, mas de algumas das massas caseiras mais gostosas do mundo: tagliatelle, tagliolini, cappelleti, tortellini, tortelli, tortelloni, parpadelle e lasanhas. Na província são produzidas excelentes mortadelas. O melhor queijo italiano, o parmigiano-reggiano, ou parmesão, que leva tanto o nome de Parma como de Reggio, é também dessa região. Parma ainda presenteia o mundo com um dos mais finos produtos suínos do mundo o prosciutto di Parma. E Modena tem excelentes pratos à base de costela de porco e com o vinagre balsâmico.

Entradas
Parmigiano ao mel
(pedrinhas de parmesão com mel e flores)
Bruschettas Romagnas
(tartar de mortadela ao pesto de tomates secos e pistaches)
Pratos
1º Prato
Parpadelle ao ragú bolognese
2º Prato
Risotto de parmesão e presunto parma
Sobre mesa
Meringato alle Fragole - (Merengue de morango)
Espécie de um suspiro, esta sobremesa se origina da província de Baixa Padana, região que abrange a Lombardia e Emilia Romagna, onde se situa grandes plantações de morango

Circuito Central – Toscana
de 15 A 18 e de 22 A 25/10
Províncias: Firenze (capital), Lucca, Pisa, Livorno, Arezzo, Pistoia, Siena, Grosseto, Massa e Carrara.Montanhosa, essa parte do país é conhecida por suas oliveiras e rebanhos de carneiros. Nesta região, o azeite de oliva é a principal gordura utilizada para cozinhar, tomando o lugar da manteiga, utilizada na região leiteira. A Toscana possui solo ideal para o cultivo de uva, por isso são produzidos por lá alguns dos mais famosos vinhos do mundo, como o Chianti.
com o vinagre balsâmico.

Entradas
Pimentões vermelhos assados
(pimentões vermelhos assados ao vinho branco, com azeite e castanhas)
Bruschettas Toscanas
(tartar de alhos assados com redução de balsâmico e azeite)
Pratos
1º Prato
Caneloni de ricota defumada ao molho de manteiga e berinjelas
2º Prato
Bisteca Alla Fiorentina
Sobre mesa
Torta Fiorentina
Como o nome já diz, esta torta vem da região de Firenze tendo como característica o chocolate e hortelã. De acordo com a história da gastronomia italiana, a torta fiorentina foi criada pelo confeiteiro pessoal da Catarina de Médici.


Circuito sul – Calábria e sicília
de 29/10 A 01/11 e de 05 A 08/11
Ao sul, o centro gastronômico é Nápoles, que possui a melhor gastronomia dessa região: pasta feita de grão duro e sem ovo, pães robustos, molho de tomate e inúmeras pizzas. Os romanos, por sua vez, produzem o melhor gnocchi do país. As especialidades da Calábria e da ilha da Sicília são peixes e frutos do mar. Normalmente, eles são marinados em limão e azeite de oliva por cerca de uma hora antes de ser assados, fritos ou grelhados.

Entradas
Creme frio de camarões em tartar ao limão siciliano
Bruschettas Calábria
(tartar de lingüiça calabresa, gratinadas com parmesão cobertas por pesto de manjericão)
Pratos
1º Prato
Gnocchi de frutos do mar e tomates frescos
2º Prato
Abobrinhas recheadas com risotto de parmesão
Sobre mesa
Soufflé Ghiacciato al Mandarino
(Suflê gelado de tangerina)
Vem da região da Sicília, esta sobremesa é tão refrescante chegando a ser quase um sorvete. Vale à pena acentuar que a Sicília é a região com as maiores plantações de tangerina e laranja da Itália

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Comida italiana até para quem está de dieta


Todas as dicas para você encher o prato de massa, sem perder a linha

É difícil resistir ao charme e aos sabores de uma boa comida italiana, ainda mais quando sabemos que é a Chef Ana Stellato que está no comando. O queijo derretendo, o molho farto que escorre pelas bordas da bandeja, os pratos regados a muito azeite... Raro encontrar alguém que faça cara feia para essa combinação farta de energia.
A pedida fica melhor ainda quando se tem em conta, além dos encantos gastronômicos, as vantagens de cada um dos ingredientes mais comuns nas receitas de uma tradicional mama
. O tomate, por exemplo, é rico em licopeno, um pigmento vermelho com propriedades antioxidantes. Isso quer dizer que ele evita o acúmulo de gorduras nas artérias, impedindo a formação de placas que podem entupi-las.
Considerado um tipo de gordura monoinsaturada, o azeite de oliva não só fornece energia como ajuda a diminuir as taxas de colesterol ruim, o LDL
Já o vinho tinto é rico em polifenóis, antioxidantes relacionados à prevenção de doenças cardiovasculares, diabetes e melhora do sistema imune e todas as refeições que a Chef prepara harmonizam perfeitamente com os mais saborosos vinhos.

Por serem refeições ricas em carboidratos, as comidas italianas realmente podem se tornar calóricas, devido aos diferentes tipos de acompanhamento e molhos ricos em gorduras, como o branco, o quatro queijos e até mesmo o bolonhesa.
Nem por isso você precisa abandonar o La Benedicta Bistrô neste festival italiano que iniciará na proxíma quinta-feira dia 03 de setembro.Fazendo as escolhas corretas de recheio e molho, dá para aproveitar pratos deliciosos e pouco calóricos.Dentre suas recomendações, a Chef sugere a de molho vermelho e manjericão. Uma taça de vinho ainda pode entrar como acompanhamento.

Confira, a seguir, uma tabela de calorias com os pratos típicos italianos e fique atenta ao menu.

COMIDA ITALIANA

Alimentos Quantidade Calorias
Agnelotti 1 porção média 266 Kcal
Canelone de Frango s/ molho 1 unidade 87 Kcal
Canelone de Ricota s/ molho 1 unidade 74 Kcal
Capeleti de Carne s/ molho 1 colher de sopa 85 Kcal
Capeleti de Frango s/ molho 1 colher de sopa 94 Kcal
Frango à milanesa 1 unidade média 497 Kcal
Gnochi 1 porrção média 395,9 Kcal
Lasanha ao sugo 1 porção média 359 Kcal
Lasanha à bolonhesa 1 porção média 612,5 Kcal
Lasanha ao funghi 1 porção média 395,5 Kcal
Macarrão alho e Óleo 1 pegador 241 Kcal
Macarrão cozido 1 pegador 161 Kcal
Molho branco 1 colher de sopa 27 Kcal
Molho parisiense 1 colher de sopa 55 Kcal
Molho quatro queijos 1 colher de sopa 52 Kcal
Molho rosê 1 colher de sopa 26 Kcal
Molho tomate 1 colher de sopa 14 Kcal
Molho tomate e calabresa 1 colher de sopa 26 Kcal
Molho de tomate e camarão 1 colher de sopa 20 Kcal
Nhoque cozido 1 colher de sopa 60 Kcal
Queijo parmesão ralado fino 1 colher de sopa 44 Kcal
Queijo parmesão ralado grosso 1 colher de sopa 36 Kcal
Ravioli de carne s/ molho 1 colher de sopa 97 Kcal
Ravioli de frango s/ molho 1 colher de sopa 93 Kcal
Ravioli de queijo 1 colher de sopa 91 Kcal


Quando vai a um casa italiana qual o seu pedido favorito?

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Quartas das Massas - Descontos Especiais

Todas as quartas-feiras a Itália fala mais alto no La Benedicta Bistrô.
Faça sua reserva e aproveite os descontos 61-3033-8500.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Minha Cozinha Italiana


A partir de 19/08, todas as quartas feiras as massas do La Benedicta terão descontos de 20% à 50%;imperdível - Faça sua reserva! 61-3033-8500
Aproveito para falar um pouco mais da cultura dos meus ancestrais.A Itália é a grande mama da cozinha ocidental. A Itália é considerada o berço da cozinha ocidental por ter sido palco de dois grandes episódios da nossa história: o Império Romano e o Renascimento.
O intenso comércio de alimentos na região durante o império, centrado no suntuoso mercado circular da cidade de Roma, fez transitar pelo local caravanas recheadas de alimentos vindos de toda a Europa, África e Oriente: cereais, pão, vinho, azeitona, legumes e frutas secas e frescas, amêndoas, nozes, avelãs, pinhões, leite, queijo, ovo, arroz, especiarias, massa seca, porco, carneiro, faisão, galinha, avestruz, peixes, moréia, moluscos, lebre, javali e antílope.

A conquista de Sicília, Sardenha e Córsega levou o gosto pela abundância e pelo luxo dos gregos para as cozinhas e os salões italianos, onde passa a imperar a gula, saciada pelo excesso de carnes regadas a molhos concentrados, especiarias e ervas aromáticas, acompanhadas de muito pão e vinho.
Por sua vez, o Renascimento trouxe novo brilho às artes e à gastronomia local. Entre os séculos XIV e XVX, cidades como Veneza e Florença se converteram em centros de refinamento cultural e artístico. Foi nessa época que os banquetes e os exageros da Idade Média cederam lugar ao requinte, à sobriedade e à moderação da nova corte européia. Surgia a alta gastronomia, que prezava a moderação no cozimento e no uso de especiarias, assim como os bons modos à mesa.
Os italianos dispensam preparos sofisticados, valorizam o sabor e o perfume natural dos ingredientes de suas terras, considerados alguns dos melhores da Europa e complementam com molho e tempero. À mesa, os melhores momentos são oferecidos pelas pastas, peixes, frutos do mar e cortes especiais de carne, como o ossobuco e o escalope de vitela. Estes pratos são preparados com azeite de oliva e recebem generosas doses de ervas frescas, como alecrim, estragão, salsa, sálvia, tomilho, manjerona, orégano, manjericão e folhas de louro. São também amplamente utilizados na cozinha italiana alho, cebola, atum, presunto, bottarga, funghi porcini, anchova, mussarela de búfala, tomate e alcaparra. Como complemento, estão sempre presentes pães e excelentes vinhos produzidos no país.
Cada região do País apresenta seus sabores:
¨ Vêneto, Lombardia, Piemonte e Ligúria
Essa é a região leiteira da Itália, onde costuma-se cozinhar com muita manteiga. Os habitantes preparam com maestria risotos e polentas. O Piemonte abastece os mais luxuosos restaurantes do mundo com as trufas brancas e o queijo fontina. Na Ligúria, região costeira onde fica Gênova, o clima mais ameno e a brisa do Mediterrâneo propiciam o florescimento de ervas perfumadas, como o manjericão fresco, que, junto com outros ingredientes, gera um dos molhos mais populares do país: o pesto.
¨ Emilia-Romagna
A região hospeda uma das terras mais férteis da Itália, rica em hortas e pastos. Bolonha, a capital, não é o berço apenas do macarrão à bolonhesa, mas de algumas das massas caseiras mais gostosas do mundo: tagliatelle, tagliolini, cappelleti, tortellini, tortelli, tortelloni e lasanhas. Na província são produzidas excelentes mortadelas. O melhor queijo italiano, o parmigiano-reggiano, ou parmesão, que leva tanto o nome de Parma como de Reggio, é também dessa região. Parma ainda presenteia o mundo com um dos mais finos produtos suínos do mundo o prosciutto di Parma. E Modena tem excelentes pratos à base de costela de porco e com o vinagre balsâmico.
¨ Toscana
Montanhosa, essa parte do país é conhecida por suas oliveiras e rebanhos de carneiros. Nesta região, o azeite de oliva é a principal gordura utilizada para cozinhar, tomando o lugar da manteiga, utilizada na região leiteira. A Toscana possui solo ideal para o cultivo de uva, por isso são produzidos por lá alguns dos mais famosos vinhos do mundo, como o Chianti.
¨ Calábria e Sicília
Ao sul, o centro gastronômico é Nápoles, que possui a melhor na gastronomia dessa região: pasta feita de grão duro e sem ovo, pães robustos, molho de tomate e inúmeras pizzas. Os romanos, por sua vez, produzem o melhor gnocchi do país, assim como o famoso abbacchio (cordeiro de um mês assado em banha de porco com alecrim). As especialidades da Calábria e da ilha da Sicília são peixes e frutos do mar. Normalmente, eles são marinados em limão e azeite de oliva por cerca de uma hora antes de ser assados, fritos ou grelhados.
A rica e variada culinária italiana, distinta nas várias regiões do país, influenciou a culinária de praticamente todo o mundo. As pizzas e as massas são encontradas em qualquer país.
A origem da pizza vem de muito tempo. Na época romana temos notícia de um tipo de prato parecido com o nome de "picca". Depois de muitas transformações reaparece na Idade Média com o nome de "piza", e depois "pizella" e se tornou muito popular por volta de 1600.
Em 1700, a pizza adquire um formato mais próximo do que conhecemos hoje, assim ela se espalha pelo reino das duas Sicilias. O sucesso obtido junto a população, chama a atenção dos nobres da Europa, então a Rainha Carolina impõe, de uma vez por todas a construção de um forno pessoal onde poderia degustar o prato que mais gostava. No final de 1800 a pizza retorna com o nome dos soberanos da época. Hoje em dia, o nome pizza é conhecido universalmente e é o símbolo máximo da tradição culinária italiana.
Os italianos possuem um modo peculiar de se alimentarem, os pratos são servidos em determinada seqüência. Enquanto dizemos que eles comem muita massa, eles dizem que nós comemos carne demais. Além disso, há uma diferença na composição do prato e ingestão dos alimentos: os italianos comem sempre um alimento de cada vez. Podemos dizer que um italiano típico se alimenta mais ou menos da seguinte maneira:
De manhã cedo, antes do trabalho, que normalmente começa às 8:00 horas, eles fazem "la colazione", que corresponde ao nosso café da manhã, composto geralmente de café, café com leite ou "capuccino" acompanhado de pão com geléia ou um pão doce, como um croissant, denominado de cornetto.
Às 11:00 ou 11:30 h, os italianos consomem, "uno spuntino", ou seja, um lanchinho, com um sanduíche de pão, queijo e presunto, ou somente um suco ou uma fruta.
O almoço, ou il pranzo, dá-se geralmente no horário das 13:00 às 14:00 horas, sempre acompanhado de pão, azeite de oliva e vinho, é composto basicamente dos seguintes pratos:
• Antepastos como bruschetta, champignon marinado, insalata ou focaccia. As bruschettas, são fatias de pão amanhecido, sapecadas na grelha, esfregadas com alho e cobertas com tomates, azeitonas, berinjelas e regadas com o azeite de oliva
• Primo Piatto, geralmente com massas, como macarrão, espaguete, lasanha ou risoto.
• Secondo Piatto, com carnes especiais de carne, de coelho, porco, frango, vitelo, peixe etc., e acompanhamentos, denominados "contorni", a exemplo de legumes cozidos ou saladas de legumes e verduras.
• Sobremesa com doces variados, por exemplo tiramisú.
• Frutas frescas da estação e queijos.
• Café expresso.
Às 17:00 horas, há a merenda, obrigatória, principalmente para as crianças, com pão e nutella (cioccolata), pão com presunto ou mortadela, pão com geléia ou frutas.
O jantar, la cena, é servido para toda família, às 20:00 horas, e compõe-se basicamente do seguinte:
O Primo Piatto, à base de sopa de legumes e massas, ou "brodo" (caldo) de carne;
O Secondo Piatto, com queijos variados, ou embutidos fatiados, como presuntos, mortadelas, salames, etc. ou ovos com legumes cozidos ou então saladas.
Frutas frescas da estação.
A culinária italiana é caracterizada por sua flexibilidade, gama de ingredientes e variações regionais. A comida é um importante elemento da cultura e história da Itália
Pratos e receitas da culinária italiana
Antepasto
* Insalata Caprese
* Bruschetta
* Bresaola
* Crostini con condimenti misti
* Verdure in Pinzimonio
* Cocktail di gamberi
* Olive Ascolane
* Mozzarelline fritte
* Pizzette e Salatini
* Tartine
Sopas italianas e comida com receitas com molho
* Bagna Caoda (ou Bagna Cauda)
* Minestrone
* Beans soup
* Minestrone de arroz e nabo
* Minestrone alla Milanese
* Soup all'Imperatrice
* Soup alla Nazionale
* Soup alla Lombarda
* Sopa veneziana
* Molho italiano
* Molho de tomate
* Fonduta
Pães da culinária italiana
* Ciabatta
* Pane Carasau
* Pane Casareccio
* Panino
* Focaccia
* Pane Toscano (sem sal)
* Michetta (pão típico de Milão)
* Rosetta (pão típico de Roma)
* Pane Pugliese
* Pane di Altamura
* Grissini Torinesi
* Tigella
* Crescentina
* Piadina

Pizzas da culinária italiana
* Focaccia al rosmarino
* Pizza marinara
* Pizza Margherita
* Pizza alla Napoletana
* Pizza capricciosa
* Pizza quattro stagioni
* Pizza ai quattro formaggi
* Pizza ai funghi e salsicce
* Calzone
Variedades de massas na comida italiana
* Agnolotti
* Bavette, Bigoli, Bucatini
* Cannelloni, Canneroni, Cappellacci, Conchiglie, Crespelle, Crespoline
* Cappellini
* Conchiglie
* Ditali, Ditalini
* Eliche
* Farfalle, Farfalloni, Festoni, Fettuccine, Filatieddi, Fusilli
* Garganelli
* Gnocchi
* Lasagne, Lasagne verdi, Linguine, Lumaconi (large slugs)
* Maccheroni (Macaroni), Malloreddus (Sardinian pasta), Maltagliate, Marille, Marrubini
* Offelle, Orecchiette
* Orzo
* Paccheri, Paglia e fieno, Pansotti, Panzarotti, Pappardelle, Penne, Perciatelli, Pinzillacchere, Pizzoccheri,
* Ravioli, Rigatoni
* Ricchi
* Spaghetti, Spaghetti alla chitarra, Spaghettini, Strangolapreti, Strangozzi, Strascinati
* Stelline
* Tacconi, Tagliatelle, Tagliarini, Tagliolini, Tonnarelli, Tortelli, Tortellini, Tortelloni, Trenette, Trottole, Trofie
* Vermicelli
* Zite, Zitoni

Comida italiana com arroz, muito comum no norte da Itália
* Basic Risotto
* Risotto alla Milanese or Risotto with Saffron
* Risi e Bisi
* Risotto con la luganega
* Riso with schrimpfs
* Riso con Piselli
* Riso alla Toscana
* Riso al nero di seppia
* Riso con i Porcini
* Risotto alla Sbirraglia
* Risotto alla Zucca
* Risotto di Seppie alla Veneziana
* Sformato al Basilico
* Sformato di Riso Dolce
* Tiella di Riso, Patate e Cozze
* Risotto ai Gamberoni
* Risotto ai Quattro Sapori
* Risotto al Cavolfiore
* Risotto al Gorgonzola
* Riso Tonnato
* Riso Valdostano
* Risotto saltato
* Risotto al Barolo
* Risotto con scamorza e champagne
* Risotto indivia e fiori di zucca
* Risotto allo zafferano con petto d'anatra
* Riotto alla Marinara
* Risotto con Agoni
* Risotto mantecato con Grana Padano
Pratos com peixe da culinária italiana
* Baccalà
* Cacciucco
* Seppioline in umido
* Missultin e Polenta
* Frittata di bianchetti
* Orate al forno
* Acciughe fritte in pastella
* Acciughe in carpione
* Acquadella o latterino fritto
* Agghiotta di pesce spada
* Anguilla marinata
* Baccalà alla vicentina
* Baccalà fritto
* Branzino al sale
* Brodetto di arselle
* Burrida
* Calamaretti fritti
* Calamari in zimino
* Calamari Ripieni
* Capesante alla veneziana
* Cappon magro
* Carpaccio di pesce
* Cartoccio di pesce spada
* Cozze alla tarantina
* Cozze fritte alla viareggina
* Cozze ripiene
* Filetti di Baccalà
* Filetti di orata al cartoccio
* Frittura mista di pesce
* Grancevola alla Veneziana
* Impanata di pesce spada
* Involtini di pesce
* Moscardini lessati alla genovese
* Murena fritta
* Nasello al forno
* Orata arrosto
* Pepata di cozze
* Pesce a scabecciu
* Pesce al cartoccio
* Pesce alla pizzaiola
* Pesce spada alla siciliana
* Pesce Spada arrosto in salmoriglio
* Polpettine di mare
* Sarde a beccafico
* Sarde arraganate
* Sarde grigliate
* Sarde ripiene
* Sarde Sfiziose Panate
* Sardele in saor
* Sbroscia bolsenese
* Scampi a zuppetta
* Scampi gratinati
* Seppie col nero alla veneziana
* Seppie con i piselli
* Seppie ripiene
* Sogliole alla mugnaia
* Spiedini ai frutti di mare
* Spiedini di alici
* Spiedini di anguilla
* Stoccafisso alla genovese
* Stoccafisso alla ligure
* Tonno sott'olio
* Tortiera di cozze
* Triglie alla livornese
* Zuppa di pesce

Carnes da comida italiana
* Presunto de Parma
* Prosciutto cotto, Prosciutto crudo
* Vitello
* Bresaola
* Coda alla vaccinara
* Mortadella
* Salame
* Pezzetti di cavallo
* Violino Valtellinese

Queijos da culinária italiana
* Asiago
* Bel Paese, Burrini, Burrata
* Caciocavallo, Castelmagno, Caprini, Casu modde, Ciccillo, Crescenza, Crotonese
* Fontina
* Grana Padano, Gorgonzola
* Mascarpone, Mozzarella, Montasio
* Parmigiano Reggiano
* Quartirolo
* Pecorino romano, Pecorino sardo, Provola, Provolini, Provolone Pecorino di Fossa, Primo Sale
* Ricotta rifatta, Ricotta salata, Robiola
* Stracchino, Squacquerone
* Taleggio, Toma, Tomini

Pratos italianos famosos

* Bife à Fiorentina
* Baccalà alla Vicentina
* Lasanha

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Desperte o Gourmet em Você!

Para os papais que não dispensam uma cervejinha, nosso cardápio gourmet conta com
harmonizações fantásticas

Reserve seu Domingo.61-3033-8500

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Camisa Cake Para o Seu Pai, Encomende a dele!


SURPREENDA........
DECLARE SEU AMOR AO SEU PAI, PRESENTEANDO-O COM UM BOLO CAMISA....MODELOS PERSONALIZADOS AO ESTILO DE CAMISA QUE SEU PAI GOSTA DE VESTIR.......
PREÇOS SOB CONSULTA ATRAVÉS DO 61-3033-8500

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Promoção Pai Grand Chef do La Benedicta Bistrô

Deixe a Chef Ana Stellato com ciúmes

Durante o mês de agosto, a Chef Ana Stellato, do Bistrô La Benedicta, convida todos os clientes “pais” a participarem da promoção Pai Grand Chef. Para participar, os papais brasilienses terão que enviar uma receita especial para o e-mail do La Benedicta Bistrô, com ingredientes, modo de preparo e história da receita.
As receitas devem ser enviadas até 15 de agosto para o e-mail: labenedicta@labenedicta.com.br. No dia 25 de agosto, um júri de chefs e críticos gastronômicos de Brasília avaliará as receitas enviadas em bancada no Bistrô. Apenas cinco receitas serão selecionadas pela Chef Ana Stellato.
As cinco receitas escolhidas serão apresentadas ao júri para que seja eleita a melhor receita. O prato vencedor entrará no cardápio do La Benedicta Bistrô a partir de 1º de setembro de 2009 e ficará disponível por um mês. Além disso, as cinco receitas selecionadas também serão publicadas no blog da Chef Ana Stellato com fotos da receita e do pai ganhador.
Para os papais que assumem a cozinha com convicção e não dispensam a classificação de grand chef é uma ótima oportunidade para tornar pública aquela receita especial. E as mamães, vovós e titias que também adoram inventar na cozinha vão se divertir com a promoção do La Benedicta Bistrô.

terça-feira, 28 de julho de 2009

Lasanha de Carnes Nobres ao Molho de Vinho


O La Benedicta Bistrô, apresentará quinzenalmente pratos tradicionais desconstruídos com um toque de genialidade.A desestruturação de pratos clássicos, com modificação das suas texturas, sublima os sabores, surpreendendo através de misturas inusitadas, elevando a alta gastronomia a um novo patamar: de obra de arte que desafia e atrai a Chef Ana Stellato para criar e inovar sempre. Pratos como a lasanha de carnes nobres ao molho de vinho madeira, são uma forma de arte que apela para vários sentidos, não somente o paladar.Não deixe de provar este prato, faça sua reserva pelo telefone 61-303385-00

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Receita de Feijoada de Frutos do Mar Benedicta


A Chef Ana Stellato apresenta uma versão de receita exclusiva para agradar paladares variados, da feijoada de frutos do mar (com feijões brancos) e convida você a vir ao bistrô provar a casquinha de salmão.

Ingredientes
8 dentes de alho descascado e amassados
2 colheres de azeite virgem
1 cebola média cortada em cubos grandes
1 tomate grande cortado em cubos grandes
1/2 pimentão verde cortado em cubos grandes
200 gr de camarão rosa descascados e limpos
200 gr de lulas limpas e cortadas em rodelas
200 gr de polvo cozido e cortado em tiras
100 gr de mexilhões limpos
1/2 xícara de coentro picado grande
1/2 xícara de salsa cortada grande
200 ml de leite de coco
50 ml de azeite de dendê baiano
200 gr de feijão branco
2 tabletes de caldo de camarão
sal à gosto

Modo de Preparo
Cozinhe o polvo em panela de pressão por 7 min e reserve. Cozinhe
o feijão com 1 caldo de camarão por 25 min e deixe a panela
fechada até sair toda a pressão.
Em uma frigideira doure os alhos em duas colheres de azeite, após
refogue as lulas rapidamente, acrescente o polvo e o camarão,
quando o camarão ficar rosado jogue o a cebola, o tomate e o
pimentão refogue mais um pouco e coloque o feijão branco com
leite de coco acrescente o tablete de camarão e finalize com o
azeite de dendê, mexilhões e os temperos verdes.Sirva com arroz
branco e farofa de dendê

quarta-feira, 15 de julho de 2009

A Reconstrução do Site La Benedicta Começou

Aguarde Pelas Novas Receitas em Desenvolvimento

O La Benedicta é uma casa diversificada que abriga em um mesmo endereço: bistrô, escola de gastronomia, buffet gourmet, consultoria em gastronomia e área para eventos. O amplo espaço gastronômico na Asa Norte, em Brasília, com 500m², tem como especialidade a cozinha internacional multicultural com carnes nobres, aves também nobres muitos peixes e frutos do mar além de arrozes de todas as origens.
No cardápio do bistrô é possível encontrar diversos cortes de carne especiais feitos artesanalmente como Cote de Bouef (R$ 62), Prime Rib (R$ 62) e Bife de Ancho (R$ 62). Além de uma aparência diferente, os cortes realçam ainda mais o sabor da carne.
A Chef Ana Stellato usa a carne eleita por especialistas como a melhor do mundo que é a Red Angus, escocesa.

A Chef que ama preparar pratos sofisticados dentro da culinária contemporânea para atender a todos os gostos, oferece em seu bistrô opções à base de carnes de avestruz, cordeiro e leitão, além de peixes e frutos do mar, como Ostras Gratinadas e diversas saladas, massas, risotos, fondue, pratos regionais e sobremesas. Durante a semana há o almoço executivo e de sábado, uma deliciosa feijoada de frutos do mar. Para os apreciadores de vinho, uma adega com cerca de 350 rótulos. Destaques para Malbec Catena (R$ 80) e Médoc (R$ 180), além do Rosé Champagne Veuve Clicquot (R$ 360).
A La Benedicta Soluções em Gastronomia é a primeira casa no Brasil especializada em soluções em gastronomia. Ainda é possível o cliente adquirir os produtos da Chef Ana Stellato por encomenda em seu próprio bistrô. Em 2010 a Chef abrirá sua loja com uma linha completa de acessórios: de churrasqueira, talheres, tábuas a temperos especiais, livros entre outros itens de gastronomia.
O lounge e área vip são espaços diferenciados e perfeitos para comemorar datas especiais, reunir amigos, ouvir uma boa música, saborear os pratos e realizar qualquer tipo de evento.

sexta-feira, 10 de julho de 2009

La Benedicta no Restaurant Week de Brasília


Brasília Restaurant Week

Brasília sedia sua primeira edição do Restaurant Week
Principal evento gastronômico do mundo chega a Brasília e reúne os melhores restaurantes da cidade com menus promocionais e a La Benedicta está participando


Chegou a vez de Brasília ser a sede de um dos mais importantes eventos gastronômicos do mundo: o Restaurant Week. O circuito Restaurant Week nasceu a 17 anos em Nova York e desde então, acontece em mais de 100 cidades ao redor do mundo como Paris, Boston e Washington D.C. No Brasil, após grande sucesso em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, a Capital Federal recebe sua primeira edição do Brasília Restaurant Week entre os dias 27 de julho e 9 de agosto. Durante este período, restaurantes de diversos estilos e etnias vão agitar a cidade, convidando os gourmets a participarem de uma grande maratona gastronômica.

O desafio que o evento impõe aos participantes é o de preparar cardápios diferenciados com entrada, prato principal e sobremesa a um preço fixo, igual em todas as casas onde tem como principal objetivo integrar os melhores restaurantes da cidade, democratizar o acesso a alta gastronomia, gerar novos clientes, incentivar o turismo e colocar o Brasil e suas principais cidades dentro de um roteiro mundial de festivais gastronômicos.

Almoço:
Entrada + prato principal + sobremesa
R$ 27,00*
Jantar:
Entrada + prato principal + sobremesa
R$ 39,00*
* + R$ 1,00 que será revertido em doação destinada a Fundação Nosso Lar de Brasília, entidade que cuida de crianças carentes que foram abandonadas ou afastadas de suas famílias por sofrerem maus tratos.

Nosso cardápio exclusivo será postado em breve, não perca esta oportunidade